Estimados Pais e Responsáveis,

A crise em que nos encontramos tem sido para todos por demais desafiadora. Tem exigido de todos uma total reorganização, e até mesmo austeridade no modo de viver. No intuito de encontrar caminhos que aliviem a tensão do momento, o IESA (Instituto de Educação Santo Antônio) vem caminhando lado a lado com as famílias de seus alunos.

Cremos que, se nos mantermos dialogais e colaborativos, vamos continuar encontrando alternativas e soluções capazes de garantir nossa parceria em prol do bem maior: a preservação da vida, a educação de nossas crianças e adolescentes, os empregos dos colaboradores e também as parcerias com os coprestadores de serviços. Estejam certos: a Instituição procura fazer o que estiver a seu alcance!

Trazemos à memória o fato de que o IESA é uma Escola confessional católica e de natureza filantrópica. Ou seja, que não visa lucro ou acumulação de capital, mas que as anuidades escolares são revertidas em investimento na própria instituição e na manutenção dos serviços.

Cabe ressaltar que os contratos de prestação de serviços educacionais estão sendo preservados com recursos eletrônicos durante este período de isolamento social. Este que, segundo a OMS e demais autoridades no Brasil, é a forma mais eficaz para conter a propagação da pandemia e preservar a saúde de nossos alunos, colaboradores e suas famílias.

Nossa equipe técnica pedagógica e administrativa, bem como todos os professores, estão comprometidos e continuam trabalhando em sistema de home office, planejando e executando as referidas atividades pedagógicas ministradas online/remotas, aos alunos. Tudo de acordo com as normas emitidas pelos Conselhos Nacional, Estadual e Municipal de Educação.

Buscaremos assim, o cumprimento da carga horária dos estudos anuais, exigindo ainda dos alunos a presença nas aulas on-line, anotando a frequência e avaliando o aluno. Tudo na forma da legislação educacional, visando não causar prejuízo ao aprendizado.

Por isso, seguindo também orientações da Secretaria Nacional do Consumidor (Nota Técnica n.º 14/2020/CGEMM/DPDC/SENACON/MJ), solicitamos que os pagamentos das parcelas da anuidade sejam realizados nas datas de vencimentos, uma vez que a prestação dos serviços educacionais está sendo realizada.

Reiteramos o desejo de garantir a postura solidária que já nos caracteriza, evitando, ao máximo, a medida extrema de desligamento de colaboradores. Para tal, o pagamento das parcelas da anuidade escolar é fundamental para que a Instituição possa honrar seus compromissos com os professores e demais colaboradores e fornecedores e futuramente não venha impactar a qualidade da prestação do serviço.

Reafirmamos que estamos cientes e somos sensíveis às dificuldades enfrentadas por todos e, experimentamos as mesmas preocupações. Por isso, a compreensão, a confiança, o diálogo e a união entre Família e Escola serão ainda mais importantes, para que possamos ajudar-nos uns aos outros. Para tal, a situação de cada família será analisada individualmente e não coletivamente.

Assim sendo, mediante agendamento, serão atendidos os casos de extrema necessidade. E desde que seja comprovado que a situação financeira do responsável financeiro foi alterada (pela demissão, redução de salário, suspensão do contrato, etc.).

Cremos que Jesus, o Bom Pastor, nos acompanha e nos guia nessa travessia.

Desejos de saúde, paz e bem a todos.

Equipe Administrativa

Todos os direitos reservados | Criação de Site